31 de ago de 2008

Sei que serás


Sei que serás para mim

A minha luz. o meu sol, o meu luar

O meu mar...

Sinto que a minha verdade é também a tua

Que a minha paixão é a nossa

Que todo o meu querer está em ti

Porque tudo em ti me seduz e cativa...

Por isso...

Busco-te... mesmo que não te encontre

Por isso...

Chamo-te... mesmo que não me respondas...

29 de ago de 2008

Esta Espera


Esta espera no tempo

Tempo que não finda

Resposta que não chega

Incerteza, da certeza

Coração machucando

Lágrimas caindo

Tristeza que me envolve

Esquecer este pesadelo

Dormir …. voltar a sonhar

28 de ago de 2008

Eu te amo não diz tudo


Você sabe que é amado porque lhe disseram isso, as três palavrinhas mágicas.Mas saber ser amado é uma coisa, sentir-se amado é outra, uma diferença de quilómetros.A demonstração de amor requer mais do que beijos, sexo e palavras.Sentir-se amado é sentir que a pessoa tem interesse real na sua vida, que zela pela sua felicidade, que se preocupa quando as coisas não estão dando certo, que coloca-se a postos para ouvir suas dúvidas e que dá uma sacudida em você quando for preciso.Sentir-se amado é ver que ela lembra de coisas que você contou dois anos atrás, é vê-la tentar reconciliar você com seu pai, é ver como ela fica triste quando você está triste e como sorri com delicadeza quando diz que você está fazendo uma tempestade em copo de água.Sentem-se amados aqueles que perdoam um ao outro e que não transformam a mágoa em munição na hora da discussão...Sente-se amado aquele que se sente aceito, que se sente inteiro.Sente-se amado aquele que tem sua solidão respeitada, aquele que sabe que tudo pode ser dito e compreendido.Sente-se amado quem se sente seguro para ser exactamente como é, sem inventar um personagem para a relação, pois personagem nenhum se sustenta muito tempo.Sente-se amado quem não ofega, mas suspira; quem não levanta a voz, mas fala; quem não concorda, mas escuta.Agora, sente-se e escute: - Eu te amo não diz tudo!

26 de ago de 2008

Amor


O amor é uma ilusão

Às vezes é tristeza

E às vezes paixão

Assim é o amor

Amor

O amor faz bem ao coração

Mas quando quer fazer mal

Ele é uma desilusão

Assim é o amor

Amor

Há quem não saiba o que é o amor

Mas quem sabe o que é

Fica alegre e imagina um mundo cheio de cor

Assim é o amor

Carla Sofia 10 anos

(O Amor visto por uma criança, não resisti em colocar este Post)


25 de ago de 2008

Coisas de Net


Senti a necessidade de conhecer pessoalmente duas pessoas deste mundo dos Blogs , com as quais me identifiquei mais através da escrita, comentários, das vivências idênticas, do apoio e carinho que sempre me transmitiram.

Coragem, a pessoa que me incentivou a abrir um Blog, me apoiando, dando-me sempre palavras de carinho e incentivo.
Bruxinha, uniu-nos o sofrimento, as magoas, as vivências.

Confirmei que ainda posso confiar no que meu coração me diz, que não me enganei e em nada me desiludi, são duas pessoas lindas, maravilhosas, sinceras, honestas, em quem se pode confiar.


Um pouco ansiosa, nervosa, sem saber bem o que esperava, nem o que esperavam de mim, num impulso, a decisão foi tomada e comprida, em nada me arrependo.

Obrigado a ambas por me terem recebido em vossas casas, de braços abertos, adorei conhece-las pessoalmente, que seja o começo de uma grande amizade.

22 de ago de 2008

Esperança


Apesar de todos os obstáculos
que encontro pela minha vida,
apesar dos contratempos que me deparo,
apesar das portas fechadas que vejo,
apesar das dificuldades que enfrento,
ainda assim, tenho a esperança.
A esperança vive em mim
amanhece comigo,
percorre o dia todo
e quando anoitece
ela está ainda mais fortalecida.
Quando meus pensamentos estão confusos
e minhas ideias não são decifráveis,
não desisto!
Lembro-me da esperança que me move...
Quando meu caminho está tortuoso,
e minhas chances são diminuídas,
lembro- me da esperança que devo ter sempre...
Esperança,
é a certeza de que algo de bom vai acontecer,
é a confiança que tudo vai dar certo.
Todos devemos ter essa esperança,
para que não nos sintamos caídos,
para que nosso dia seja menos tumultuado,
e para que nosso coração esteja menos pesado.
Desejo a você,
que também tenha sempre a esperança,
que ela permaneça sempre em seus pensamentos.
Desejo que você nunca desista,
porque enquanto houver a esperança,
nenhum sonho está perdido.

20 de ago de 2008

Menina


A menina cresceu !!!!!
Aprendeu a se virar sozinha,
a ver a vida do seu jeito.
Aprendeu a ver quem são as pessoas que a fazem bem...
as que a fazem mal...
e as que não fazem simplesmente nada.
Aprendeu que o que realmente vale a pena é o momento vivido...
que depois, ele pode não ter a mesma intensidade.
Aprendeu a continuar de cabeça erguida...
a lutar pelas coisas que acredita...
a chorar pelas coisas que ela perdeu.
Aprendeu a ver que há certas coisas na vida que o tempo não apaga...
mas que outras, por mais que demore, ele apaga sim.
Aprendeu que não pode exigir o amor de ninguém...
pode apenas dar boas razões para que gostem dela...
e ter paciência, para que a vida faça o resto.
Aprendeu a ouvir críticas, e elogios...
a criticar e elogiar.
Aprendeu a seguir seu coração...
antes de seguir qualquer outra coisa.
Viu que a vida não é o castelo encantado que ela pensou ser...
mas pode se tornar muito melhor que isso, se ela souber viver.
E então ela passou a acreditar nela mesma !!!

18 de ago de 2008

Passos


Dou muito valor
Àquilo a que gosto de chamar
As pequenas grandes coisas...
Pequeníssimas coisas que constróem o amor
Que edificam através de pequenos grandes nadas.
E, são estas pequeninas grandes coisas
Que recordamos com saudade,
Com gratidão e amor,
Porque nos ligam à nossa vida, à nossa história,
Ao nosso crescer, ao nosso ser,
E que não podem ser esquecidas
Porque nos marcaram inteiramente.
Basta um olhar... basta um sorriso...
Basta uma palavra... basta um toque...
Basta uma mão que aperta,
Um abraço que se dá...
Para,
Num dia de tristeza,
Iluminar o quarto escuro do sofrimento
E dinamizar os nossos passos...

16 de ago de 2008

Janela


Na janela do tempo
Debruço-me no peitoral
da solidão fria
E absorvo o néctar
da desilusão.

Olho lá fora...
A escuridão funesta
Domina agora.
Tudo é sinistro...
Mas é chegada a hora.
Os fantasmas persistem...
Ergo-me mesmo exaurida
E junto - aos poucos
Os refugos de mim
Atravesso a janela sombria
desempilho meus medos
e o meu olhar se prende
nas estrelas da esperança.
Os refugos de mim
São elevados pela luz
que emana da esperança.
Sinto-me leve e imensamente feliz.






13 de ago de 2008

Sufocar


Assistindo ao funeral do sol poente,

Algo em mim sinto morrer

nesse momento

Todo o meu ser se esvai em desalento.

A tristeza me envolve toda inteira

Só no silêncio encontro companhia

Fugindo à dor de imensa agonia.
Tento sorrir , só posso suspirar


E na garganta o pranto sufocar.

12 de ago de 2008

Tomara


Que você volte depressa
Que você não se despeça
Nunca mais do meu carinho
E chore, se arrependa
E pense muito
Que é melhor se sofrer junto
Que viver feliz sozinho
Tomara
Que a tristeza te convença
Que a saudade não compensa
E que a ausência não dá paz
E o verdadeiro amor de quem se ama
Tece a mesma antiga trama
Que não se desfaz
E a coisa mais divina
Que há no mundo
É viver cada segundo
Como nunca mais


Vinícios de Moraes

9 de ago de 2008

Silencio


Deixa-me quieta

Aninhada em meu canto
Protegida de mim mesma.
Não me fales nem me olhes,
Deixa-me neste leito
De morte emocional.
Abandona-me aqui,
Vai sem olhar para trás.
Das trevas o bom não vem
Mas por elas tenho agora de passar...
Afasta-te de mim,

Para longe leva teus olhos,

Que só verão a dor
Ao tocarem minha imagem.
Não me questiones,
Apenas parte.
Não te darei respostas
Deixa-me neste meu silencio...