19 de dez de 2009

FELIZ NATAL




"FELIZ NATAL"
Mais uma quadra festiva,
Se aproxima afinal,
A mais excelsa do ano,
Que é a festa do Natal.
Que o Natal seja vivido,
Com muita fraternidade,
Cheio de saúde e paz,
Em toda a humanidade.
Feliz Natal para todos,
Novos, velhos e crianças.
Que ele venha sem reservas,
Concretizar esperanças.
Que não haja distinção,
Entre os povos em geral,
Em unida comunhão,
Faça sentido o Natal !

A todos um Santo e Feliz Natal

20 de ago de 2009

A meu lado

Porque me perturbou tanto assim o dizer
Em silêncio para meu ser perturbado
Que te deseja e já não o esconde
Quando fico do teu lado e
Vejo o teu olhar apaixonado
Em ondas de ternura imensas
E ao sorrir, fico a imaginar o teu olhar doce
Que me dás sem medo do que possa vir a acontecer
Sem equacionar os minutos, horas que nos restam
Que me basta, saber que em teus braços
Me irei entregar, e tudo o resto esquecer.
E mesmo assustada pela imensidão deste gostar
Já te gosto cada vez mais, a cada dia que passa.
O certo e real, é que me sinto perdida sem ti a meu lado.

18 de ago de 2009

Para vocês

[b]Lembrei de você!
Gifs - Flash - Fotos e Videos Para seu Orkut
Gifs, Flash e vídeos para seu Orkut = www.animaorkut.net





Um enorme beijo a tds, e minha sinceras desculpas pela ausência, mas necessária.

16 de abr de 2009

VIVER


Sim chegou o momento
De sair desta passividade
É um risco… sim eu sei
Voltar a sofrer… não sei
Quero arriscar a viver
Cada dia, cada momento
Libertar do silêncio
Sentimentos, sentires
No tempo guardados
De novo recomeçar
Um novo renascer
Em cada amanhecer
Amar e ser amada
Arriscar é“VIVER”

8 de abr de 2009

Amigos


Sempre fui uma pessoa meiga, sensível, carinhosa em relação a família e amigos, presente nas horas boas ou menos boas, tudo o que faço é de coração numa entrega total, sem pedir ou exigir nada, apenas espero que me tratem da mesma forma, com sinceridade e honestidade.

Existe nesta vida algo que não tolero, mesmo que me digam que foi sem intenção ou medo, prefiro a verdade mesmo doendo pela própria pessoa, que saber por terceiras pessoas, e quando contadas muitas vezes já um pouco destorcidas da própria verdade.

Tento sempre saber os motivos que levaram a tal atitude, não gosto de julgar ninguém, desculpo se assim o entender, mas ficará sempre a decepção, mágoa, onde a confiança terá que ser de novo construída e demonstrada.

Depois de tudo o que já vivi, cada vez me é mais difícil, aceitar determinadas atitudes, existem neste mundo, pessoas capaz das maiores crueldades para atingirem seus fins, sem pensarem que prejudicam e magoam muitas vezes aqueles que chamam de amigos.

Onde anda o valor da amizade????

31 de mar de 2009

MAR

(Foto tirada por mim na marginal Estoril)


Num passeio à beira mar

O céu azul, a terra brilha

O sol quente, o mar calmo

Olho… tudo se transforma

Ou será que fui eu ??

Olhando o mar… escuto meu coração

Uma mistura de sentimentos

Desperta algo em mim

Será que mudei?

Cheguei ao fim deste capítulo

É altura de reiniciar um novo

Uma nova história de vida

Com novos personagens

Novas esperanças

19 de mar de 2009

Justiça????


Para alguns que me seguem desde o princípio, sabem que eu fui, no meio de tantas outras por este mundo fora, vítima de violência doméstica e mais tarde de ameaças, fui uma “sobrevivente”.

Todos estes acontecimentos levaram a uma participação na PSP. Não pedi nem exigi nada a não ser uma medida de coação, para não se aproximar, o qual me foi negada, apenas ficando o “dito cujo” com termo e residência, o processo é enviado para o DIAP, onde eu e o meu filho de 17 anos, tivemos que prestar declarações, depois de analisado o processo segue para o Ministério Publico.

Sendo eu a lesada é o Ministério Público que neste caso e havendo matéria suficiente, apresenta a acusação em Tribunal. Meu filho que sempre assistiu a tudo e eu somos notificados como testemunhas, confirmando os acontecimentos e actos praticados, foram momentos difíceis e muito angustiantes.

Ontem foi lida a sentença, como testemunha não fui notificada a estar presente, podia ter ido assistir, mas entendi que minha presença iria ser vista como uma “provocação” e trazer reacções das quais não me queria sujeitar.

Dois anos e meio de pena suspensa e o pagamento de 1.500 euros, fui a sentença aplicada ao “dito cujo”, pelos maus-tratos físicos e psicológicos, do qual ainda pode recorrer em trinta dias.

Será que terminou aqui?
Será que se fez justiça?

15 de mar de 2009

Quando


Quando conseguires transformar

Lágrimas… em pérolas

Tristeza… em sorrisos

Duvidas… em certezas

Nuvens… em céu aberto

Tempestades… em calmaria

A ausência… em presença

Quando me ensinares novamente

Que há dia… depois da noite

Sol… depois da chuva

Estrelas… ao anoitecer

Esperança… ao amanhecer

Sonhar… acreditar

Então nesse dia

Em teu jardim… serei flor

Em teu mar… navegar

Em teu porto… abrigar

Em teus braços … ancorar

Em teu corpo… entregar

Nesse dia tu e eu

Seremos “NÒS”

6 de mar de 2009

SERÁ


Será medo de amar
Que não me deixa viver
Entregar-me a emoções
Os sonhos ao prazer

Será medo de amar
Que não me deixa sentir
De novo me entregar
Depois… iludir

Será medo de amar
Que não me deixa ver
Medo de encontrar
Mais tarde… perder

Será medo de amar
Que não me deixa sonhar
De novo me enganar
Lágrimas… chorar

Será medo de amar
Que fecho meu coração
Ao viver, sentir, ver, sonhar
Até quando por medo direi… não

27 de fev de 2009

Tentei


Não havia nada que eu pudesse fazer, mas eu fiz.
Alcançar tal coisa era impossível, e eu a busquei.
Não havia mais esperanças, e eu as mantive.
Não restava tempo para mais nada, mas eu lutei até a última hora.
Não queriam mais. Eu insisti.
A última palavra havia sido dada, mas eu ainda assim falei.
Enfim... Estou passando pela vida e tudo vai se fechando.
Mas a felicidade está em mim.
Pois se nada tenho, por tudo lutei.
E sem me arrepender de nada, num futuro poderei dizer:
TENTEI

8 de fev de 2009

Bem dito... bem certo...


Quando te encontrar

Irei levar-te até á cama

Sem pedir licença

Tocar-te em todo o corpo,

E sadicamente

Te possuirei…

Vou-te deixar com uma enorme

Sensação de cansaço…

Entregue!

Lentamente…

Vou-te fazer sentir arrepios,

Fazer-te suar…

Profundamente!

Irás gemer…

Até chorar.

Deixar-te-ei ofegante,

Tirar-te-ei o ar,

A tua cabeça pulsará.

Da cama…

Não conseguirás sair…

E quando terminar,

Irei embora

Até á próxima…

Assinado: A GRIPE :)


( oferecido por uma amiga )

6 de fev de 2009

O meu primeiro selo

A minha amiga Luisa, ofereceu-me este selo, com algumas regras:

1 - Exibir a imagem do selo
2 - Postar o Link no blog de quem recebi o selo
3 - Escolher 10 mulheres bem resolvidas e distribuir o selo
4 - Avisar as escolhidas


E aqui estão elas:

Coragem

Black

Bruxinha

Multiolhares

Sol da meia noite

San

Manu Almeida

Mágico olhar

E pronto já estão as grandes mulheres escolhidas, o resto de um bom dia a todas.

Beijinhos

3 de fev de 2009


Já amei e fui amada,

Já confiei e desiludi

Já me entreguei e sofri

Já sorri já chorei

Já lutei mas perdi

Já corri até fugi

Já gritei e sufoquei

Já falei e calei

Já fui e já fiquei

Já procurei e encontrei

Já tenho o que sonhei